Uma poltrona que se adapta a três diferentes posições: sentar, reclinar e deitar. É a proposta da Mandacaru, produto lançado pela rede Futon Company com assinatura da designer paulistana Baba Vacaro.

O nome revela a inspiração, o cactus nordestino mandacaru, cuja flor é tão bonita quanto efêmera – dura menos de 24 horas, pois não resiste à noite. Um raro momento de colorido da planta dura na queda, que enfrenta a seca nordestina e passa a maior parte do ano ostentando apenas espinhos longos, um emaranhado de alfinetes. A flor, já cantava o Rei do Baião, Luiz Gonzaga, anuncia chuva no sertão. “Mandacaru /Quando fulora na seca/ É o siná que a chuva chega/ No sertão”, ensinava ele num português sertanejo.

Agora, Baba uniu o conceito japonês dos acolchoados futons e a beleza da flor que mostra a chegada da chuva. A poltrona Mandacaru traz seis almofadas unidas como pétalas. E você define o formato para sentar, ficar recostado ou deitar, segundo o modo como arranja a poltrona no ambiente.

Totalmente desmontável, cada pétala se prende no miolo por um fecho de contato, tipo velcro. O recheio é de algodão e fibras sintéticas. As capas, disponíveis em vários padrões, são removíveis.

Poltrona Mandacaru

Anúncios